DETOX E INSANITY – NÃO COMETA INSANIDADES

Com a chegada iminente do verão, fica praticamente desesperadora a necessidade de entrar em forma, principalmente para as mulheres.
Nesse momento, para muitas pessoas, vale tudo para conquistar aquele corpo “sarado”. Dentre tantos recursos sedutores disponíveis, os campeões são, sem dúvida nenhuma, as dietas extremamente restritivas e os programas de exercícios cuja intensidade na maioria das vezes é incompatível com o nível de condicionamento do praticante.
Nesses dois quesitos podemos destacar, respectivamente, dois exemplos que têm chamado atenção ultimamente: a Dieta Detox e o Insanity.
No primeiro caso, a dieta se propõe a “desintoxicar” o organismo, e nesse aspecto, fica impossível não parafrasear o Dr Lancha Jr: “se você está intoxicado, corra para o hospital!”. Pesquisas que controlaram a composição corporal e marcadores sanguíneos dos voluntários apontam que a Dieta Detox provocou perda de massa muscular e sobrecarga dos rins e fígado.
Se pensarmos com bom senso, é até injusto querer perder em uma semana, os quilos que levamos meses para ganhar.
Como já dissemos no post: “Os enganos das dietas milagrosas”, para perder peso e não voltar a engordar, temos que mudar hábitos de alimentação. Perdas de peso “relâmpago” certamente acontecerão à custa da perda de massa muscular e, portanto o efeito rebote fica muito mais propenso a aparecer.
O mesmo ocorre com os exercícios. O Insanity, recentemente, foi matéria do NY Times, pois esse programa está sendo aplicado a jovens, adultos e idosos, sem qualquer tipo de adaptação, com o objetivo de proporcionar corpo “sarado” e músculos “rasgados”. No entanto, devido à intensidade desse programa, muitas dessas pessoas têm conseguido conquistar apenas dores musculares, tendinites, contraturas e distensões.
A melhor forma de se conquistar um corpo não só bonito, mas principalmente saudável, é fazendo tudo com moderação e bom senso.
Uma boa aliada nos programas de perda de peso são as fibras alimentares. Incluir cereais integrais no café da manhã e uma bela salada antes das refeições nos ajuda ingerir menos calorias. Hoje, além do arroz integral, massas integrais, frutas, verduras e legumes, é possível encontrar nos mercados excelentes opções de pães e cereais matinais com grande quantidade de fibras solúveis e insolúveis.
Em relação aos exercícios, o simples fato de se adotar hábitos mais ativos no dia-a-dia também auxilia na perda de peso, uma vez se aumenta o gasto calórico.
Até mesmo atividades simples como passear com o cachorro ou brincar com as crianças são formas de “queimar” calorias. O mais importante é encontrar um jeito estimulante e prazeroso de gastar tais calorias para que o conceito de vida ativa seja definitivamente incorporado.

Anúncios

2 pensamentos sobre “DETOX E INSANITY – NÃO COMETA INSANIDADES

  1. Eu corro há 3 anos, comecei com caminhadas para perder excesso de peso e consegui perder nesses 3 anos os 11 quilos que ganhei durante os 4 anos de faculdade.
    Agora estou fazendo o Insanity pra melhorar o condicionamento físico e tentar dar uma definida no corpo.
    Eu, com 3 anos de historico de atividades físicas regulares e natação no curriculo, acho o Insanity pesado! Ás vezes peço arrego!
    Se a pessoa não tem nenhum costume de fazer execicios físicos, não deveria de forma alguma começar pelo Insanity! Pode causar sim uma lesão ou tendinite!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s